Como fortalecer a pele do idoso?

Como fortalecer a pele do idoso?

Depois dos 60 anos, a saúde do nosso corpo merece um cuidado especial, e isso inclui também a pele. É nela que percebemos os sinais do tempo, começam a surgir rugas, flacidez, manchas do sol e muito mais. Com o passar dos anos percebemos a redução da hidratação, da oleosidade e da elasticidade. Como fortalecer a pele do idoso? Descubra já!

É importante saber que a pele tem um papel fundamental em nosso corpo, ela atua como uma barreira protetora e impermeável, defendendo o organismo contra invasão de substâncias e micro-organismos nocivos.

No entanto, quando as pessoas começam a envelhecer, muitas dessas funções vão ficando comprometidas, deixando o idoso mais frágil e sujeito a agressões externas que podem influenciar diretamente em sua saúde.

A pele é um dos locais onde se costuma encontrar os primeiros indícios de envelhecimento, pois ali aparecem as rugas, manchas de sol e flacidez, além de outros diversos sinais. Essas mudanças ocorrem especialmente pela perda de colágeno e tornam o maior órgão do corpo frágil e sujeito a machucados, que podem gerar sérias infecções.

Você quer descobrir alguns segredinhos de como fortalecer a pele do idoso? Vamos te ensinar!

Para evitar maiores problemas é importante conhecer dicas de como fortalecer a pele do idoso e auxiliar no cuidado com ela. Veja as principais atividades que podem deixar a pele mais firme e protegida de danos causados pela perda de elasticidade.

Como fortalecer a pele do idoso?

Como fortalecer a pele do idoso? 5 dicas

Controle a exposição ao sol - É necessário uma quantidade de sol diária, principalmente antes das 10h da manhã e após às 16h, mas o excesso pode causar problemas. Um dos mais graves é o surgimento de câncer de pele.

A exposição constante ao sol, além de acelerar o envelhecimento, causar rugas e manchas na pele, e ainda pode agravar o impacto doenças pré-existentes. Uma das formas de fortalecer a pele do idoso é cuidar para que exista um equilíbrio neste sentido.

A proteção solar diária com o uso de algum filtro e também acessórios como bonés e viseiras são ações recomendadas. Deve ainda tomar cuidado com lábios, já que as rachaduras podem aparecer pelo excesso de exposição ao sol.

Adote um protetor labial que contenha filtro solar ou hidratantes específicos para o rosto e boca, evitando assim o ressecamento do local.

Tomar banhos mais frios e com menos duração - A água quente provoca uma perda da oleosidade e amplia o ressecamento da pele, essa ação na terceira idade é ainda mais agressiva, já que a reposição não é tão rápida.

Mude essa rotina para banhos mais curtos e com água mais morna, sempre acompanhados de produtos calmantes e hidratantes para a pele.

Beba bastante água - Um problema que surge na terceira idade é a falta de água na pele e no organismo. Vários nutricionistas recomendam o consumo diário de 2 litros de água, mas não se prenda a esse volume.

Simplesmente, beba água sempre que o seu organismo pedir. É um ritual que tem que cumprido para manter a saúde de nosso organismo.

A falta de água no corpo causa o desaparecimento de fibras de colágeno e provoca o surgimento de diversos problemas.

Uma das dicas de como fortalecer a pele do idoso é ingerir um pouco de água logo pela manhã, ao acordar. Depois, a ingestão de um copo a cada duas ou três horas já será suficiente para manter a hidratação em dia. Em dias quentes, esse cuidado deve ser redobrado.

Abuse dos cremes hidratantes - Os especialistas recomendam que os idosos façam o uso de hidratante que contenha emolientes, responsáveis por aumentar a camada de gordura da pele, e umectantes, que servem para reservar mais água e deixar a pele hidratada.

É recomendável fazer o uso de hidratantes sempre após o banho, já que ele acaba retirando a oleosidade da pele.

Cuide da alimentação saudável - O corpo não funciona sem os nutrientes corretos. Ou seja, ter uma alimentação balanceada e rica em proteínas é essencial em todas as fases da vida.

Com o avançar do tempo, nosso organismo para de produzir diversas proteínas e também exige mais cuidado com a hidratação. Com isso, é necessário adotar hábitos saudáveis e comida deve conter alimentos para ajudar na reposição do colágeno natural e de outras vitaminas.

O consumo de cenoura e tomate, uvas, sucos de laranja, limão ou abacaxi são recomendados para restabelecer a ordem no organismo. Faça uma visita ao nutricionista ou nutrólogo para avaliar outros cuidados especiais para manter a saúde em dia e também ter uma pele bonita.

Como fortalecer a pele do idoso?

Dicas extras - A prática de exercício físico permite manter o bom funcionamento do organismo. Veja melhores atividades que podem ser realizadas e tente fazê-las diariamente.

Se for o caso e você precisar, avalie também o uso de cápsulas de colágeno para repor a proteína que é responsável pela elasticidade da pele.

Veja aqui um texto que preparamos para explicar o que o colágeno faz no corpo e algumas dicas para fortalecer a pele do rosto.

As pessoas da terceira idade possuem necessidades especiais de cuidados porque o envelhecimento da pele a deixa mais fina e ressecada, o que pode levar a muitos problemas de saúde. É de extrema importância manter uma rotina de atenção com essa parte do corpo, fazer uso de protetores e hidratantes, como explicamos acima nas cinco dicas de como fortalecer a pele do idoso.

Essas são as principais formas de como fortalecer a pele do idoso. Não espere mais para investir na sua saúde e também daqueles que você ama. Comece a recuperar toda a vitalidade e elasticidade da sua pele, favorecendo para um aspecto mais jovem e saudável.

Quer levar uma vida mais saudável, receber dicas de alimentos, suplementos e bem-estar? Inscreva-se em nossa newsletter e também acompanhe nossos perfis nas redes sociais> Facebook, Instagram.

Você conseguiu compreender todas as nossas dicas de como fortalecer a pele do idoso? Ficou com alguma dúvida? Envie seu comentário e nos ajude a produzir novos artigos.

Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados